domingo, 11 de novembro de 2007

Fronteiras

A maioria dos brasileiros pensa em viajar à Europa para visitar a torre Eiffel, na França, a London Eye, na Inglaterra ou El Retiro, na Espanha. E, muitas vezes, não imaginam ou desconhecem as inúmeras cidades latino-americanas que cercam o Brasil e possibilitam olhares tanto quanto estas cidades européias.
Como dizia Carlos Gardel: “Buenos Aires, antes morir que olvidarte”. A capital portenha não encantou apenas este cantor e compositor, mas despertou e desperta em milhares de argentinos o orgulho e a paixão de uma pátria. Conhecida como “París del Sur” e “el hogar del tango” é uma cidade com uma personalidade própria e de um charme inquestionável. A capital argentina é reconhecida pela arte, música, cinema e literatura e se destaca pela nobre arquitetura e a hospitalidade de seus cidadãos.
Montevidéu, capital uruguaia, sede de conflitos no passado entre argentinos e brasileiros que lutavam pela expansão de seus territórios. Hoje, é uma das cidades latino-americanas com a melhor qualidade de vida e considerada uma das trinta capitais mais seguras do mundo. Nas ruas, a marca da tradição e a conservação de prédios e monumentos que contam sua história.
Lima é a maior cidade do Peru localizada perto da costa do Pacífico. A capital é o centro político e econômico do país e sua economia é baseada na indústria e no comércio. Em 1988, a UNESCO declarou patrimônio cultural da humanidade o centro histórico de Lima, e atualmente, é o ponto da cidade mais visitado pelos turistas.
Devemos de fato nos orgulhar por pertencermos a um continente que conseguiu, mesmo com a influência européia, construir sua própria identidade. E nós,brasileiros, temos a obrigação de valorizar não só a nossa cultura, mas também as que nos rodeiam. Mario Vargas Llosa, escritor peruano, foi sábio quando disse: “A riqueza da América Latina está em ser tantas cosas de uma só vez, que fazem dela um universo em que vivem todas as raças e culturas do mundo... Esta mistura é a sua riqueza”.
Mariana Guimarães Silveira

5 comentários:

2Ab tronic disse...

Muito verdadeiro isso que tu escreveu, Mari. As vezes estamos tão fascinados com o que está longe da gente, que esquecemos de admirar algo de mais fácil acesso. Eu posso dizer, com certeza, que Buenos Aires é um lugar maravilhoso e que quero voltar muuuitas vezes lá!

Rombaldi :)

Debora disse...

adorei o texto!Eu sou suspeita pra falar,sou apaixonada pela cultura européia *_* mas gosto do pouco que eu conheço dos nossos arredores o.o

Mas vamos combinar




a London Eye TEEEEM seu valor xD

2Ab tronic disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
2Ab tronic disse...

a galera se puxando no blog, isso aí, meu texto est[á emprodução ahhahahaha
muito bom mariana, concordo com os comentários e com a posição tomada no texto

Larissa

raffa_fagundes disse...

Sou suspeita para falar, porque sou apaixonada pela Eiffel tower, mas quando visitei Buenos Aires me apaixonei pelo ar de amor a pátria e reconhecimento as artes que não está tão presente no Brasil. Com certeza não paramos para pensar nas maravilhas latinas que temos aqui, a cultura e riquissima e muitas vezes não as valorizamos por sempre estarmos pensando no longe e belo, enquanto na verdade um pedaço está logo ali ao nosso lado.