segunda-feira, 12 de novembro de 2007

Quando vamos nos dar por satisfeitos?

Estava eu aqui, pronta para escrever meu texto e comecei a ficar bastante melancólica. Na verdade, estou mentindo, não estava pronta nada, simplesmente sentei no computador e pensei: "Preciso fazer isso logo!". Junto com esse pensamento instantâneo, começaram a vir muitos e muitos outros, nada alegres. Devido ao meu mau-humor agora, comecei a pensar por que diabos eu estou tão emburrada! Me dei conta, então, que o fato de hoje de tarde terem me enfaixado da coxa ao tornozelo, me impossibilitando fazer tudo o que eu gosto, me deixou bastante irritada. É, há exatamente uma semana eu estava reclamando que não queria ir pra aula de dança e pra academia, porque estava com preguiça e não aguentava mais subir três vãos de escada todo santo dia no colégio. Certo, fazem sete horas que eu estou enfaixada e já estou retirando todas essas minhas reclamações. Há uma semana eu tinha toda a minha vida regrada, do jeito que eu gostava e um belo dia o meu joelho resolve se rebelar e tirar toda a minha rotina (boa rotina) fora do lugar! E é aí que eu me pergunto: Quando vamos nos dar por satisfeitos? Quando vamos chegar e dizer: "Obrigada meu Deus, tudo está no seu perfeito lugar"? Eu sei, faz parte da natureza humana reclamar de tudo, mas morrer também faz parte da natureza humana, e nós evitamos a morte muito bem. Não digo que devemos fingir que está tudo legal, devemos, na verdade, nos sentirmos bem, sem precisar forçar nem nada. Apenas nos sentirmos bem. É claro que sempre há as adversidades, mas temos que nos dar conta que problemas vêm e vão.
Acho que depois de escrever tudo isso, me dei conta que ficar enfaixadinha uma semana não é tão ruim assim, afinal daqui à 161 horas eu já estou devolta à atividade!


Nicolle Gouveia

4 comentários:

2Ab tronic disse...

será q guria tm mais esse negocio de acha q a vida eh uma merda enquanto tm gnt morrendo de fome? tenho certeza q a maioria dos guri sao d bem com a vida e reclamam mtu menos!!!!!! e sabem como nossas vidas sao otimas!!!!!

2Ab tronic disse...

Me identifiquei um pouco ao texto, por também ter sentado na frente do computador para escrever como obrigação. E posso dizer também que o meu dia não foi nada bom ontem, mas nem um pouco melancolico, eu acho.
Larissa

2Ab tronic disse...

querida,apenas um comentario: so mais 1 dia para comecarem as A2 e entao: ferias! ou seja, nao te stressa que antes disso tu estaras correndo e pulando como uma lebre dioasjopfsdopkspdfkgfoidj alem disso, fico moh estilo a tua faxa! contagem regressiva para as ferias, eh nozes. bjssss, Martha

raffa_fagundes disse...

Nossa, é uma pura verdade já estamos tão acostumados com nossa rotina que quando uma fatalidade nos acontece vemos tudo o que mais nos faz sentir seguros desmoronar. E realmente reclamar, principalmente da vida, é uma das coisas que mais estamos aconstumados a fazer, sempre tem alguma coisa que não nos satisfaz.